Mesmo com chuva, fiéis lotam Santuário na tarde do primeiro dia da novena de Fátima

291

Com presença maciça de zeladoras de capelinhas das Paróquias da Diocese de Erexim, fiéis lotaram o Santuário de Fátima no terço e na missa da primeira tarde da novena de Fátima, com bastante chuva, nesta sexta-feira, festa dos Arcanjos Miguel, Rafael e Gabriel.

As zeladoras de cada paróquia trouxeram uma capelinha, representando as outras, e as colocaram em frente à mesa da Palavra. Trouxeram também flores que depositaram diante da imagem de N. Sra. durante o canto do glória.

O evangelho narrando a visita de Nossa Senhora à sua prima Isabel foi encenado por Cledir Bortolini e Lani Gugel, de Campinas do Sul.

O terço e a missa foram presididos pelo Pe. Moacir Noskoski, Pároco da Paróquia N. Sra. da Glória, de Erval Grande e assistente diocesano das zeladoras, acompanhado pelo Diácono Pascoal Pozza, da Catedral São José.

Pe. Moacir iniciou a homilia lembrando o tema da novena e da Romaria – Fátima, anúncio profético da misericórdia e da paz. Ressaltou a necessidade destes dons divinos especialmente para as famílias. Recordou o mês da Bíblia, destacando a importância e a necessidade da luz da Palavra de Deus para se discernir entre o bem e o mal. Como a leitura falava do chamado de Deus a Moisés para ser o libertador do povo e o evangelho narrava a visita de Maria a Isabel, enfatizou o sim de ambos ao projeto de Deus. Exortou a todos a cultivarem a generosidade a Deus, vivendo intensamente a oração. A partir da visita de Maria a Isabel, referiu-se à importância e à necessidade de todos cultivarem a boa convivência e irem ao encontro das pessoas, especialmente dos doentes e dos que vivem na solidão. Para o padre, fazer o bem aos outros é a maior realização do ser humano.

 

 

Você pode gostar também

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.